Detran avança com novos serviços de sinalização viária em mais seis rodovias estaduais

Foto: Divulgação

Tendo a sinalização viária como um dos principais pilares da segurança de trânsito, o Departamento de Trânsito do Estado (Detran) intensifica os serviços nas rodovias estaduais com novas entregas previstas para o final deste mês. Pelo menos seis rodovias estão em obras avançadas nos municípios de Itupiranga, Santarém, Juruti, Santana do Araguaia, Bujaru e Ananindeua. 

De iniciativa do Governo do Estado sob a execução pelo Detran, o Projeto “Sinalização Viária Por Todo o Pará” tem como objetivo colaborar com a segurança nas rodovias estaduais com sinalização vertical e horizontal. Além da marcação e as placas, em algumas PAs os serviços prestados também incluem reparos, obras de meio-fio, recuperação de canteiro, asfaltamento, revitalização das tachas, dentre outros.

Estes serviços estão ocorrendo desde o mês passado na avenida Mário Covas, em Ananindeua, que está com as obras em fase de conclusão; na PA-268, em Itupiranga; PA-457, em Alter do Chão; PA-257, no município de Juruti; PA-411, em Santana do Araguaia; PA-140, na cidade de Bujaru e PA-451, no trecho de Tomé-Açu.

Essas vias têm características em comum, como o tráfego intenso de veículos, principalmente de carga, e ligações com outras regiões econômicas e turísticas do Estado. Todas as obras fazem parte do projeto de execução de serviços de recuperação, ampliação e implantação de sinalização viária horizontal e vertical, uma medida que contribuirá significativamente para a segurança no trânsito e implementação de sistemas de orientação e localização para condutores e pedestres.

A sinalização horizontal é composta por faixas e marcas pintadas no pavimento, com informações que organizam o fluxo de tráfego e orientam o condutor na via. 

Já a sinalização vertical inclui sinais em placas fixadas ao lado ou acima das vias com a função de emitir informações por meio de símbolos ou textos padronizados para facilitar a comunicação e a mobilidade de pedestres e condutores.

Colaboração: Anna Kelly – Ascom/Detran

Por Agência Pará

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *