Karoline Maia é a primeira promotora quilombola da história do Pará e Brasil

A primeira promotora de justiça quilombola da história do Brasil está no Ministério Público do Estado do Pará. Ela é pertencente à comunidade quilombola de Jutaí, no Maranhão, Karoline Maia foi a primeira da família a concluir a graduação.

Karoline passou no concurso do Ministério Público do Pará e foi empossada como promotora de justiça da cidade de Senador José Portírio, no sudeste paraense. Ela foi uma das agraciadas pelo Projeto Identidade, da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR).

O projeto tem como prioridade promover uma maior diversidade nos quadros do Ministério Público. Os pais de Karoline faleceram antes da filha se formar.

Foto: ANPR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *