Pará já cumpre meta de alfabetização de 2024 e dobra o número de crianças alfabetizadas

O Governo Federal apresentou um relatório técnico da primeira avaliação censitária de alfabetização, na reunião “Compromisso Nacional Criança Alfabetizada”. Esse estudo aponta avanços expressivos da Educação Básica no Estado do Pará.

Em menos de seis meses, o Pará já cumpriu a meta de alfabetização do ano de 2024. Os resultados foram apresentados pelo Ministério da Educação (MEC), na terça-feira, 28, no Palácio do Planalto, em Brasília.

O governador Helder Barbalho participou da reunião técnica e ponderou que Educação é uma agenda prioritária do Governo do Estado e, entre as ações desenvolvidas pelo governo, destacou a valorização dos professores e profissionais da área.

A reunião também contou com a participação secretário de Estado de Educação do Pará, Rossieli Soares. O Estado do Pará mais que dobrou o número de crianças leitoras. No início de 2023, apenas 21% dos estudantes que cursavam o 2° ano do Ensino Fundamental em escolas da rede pública estadual e municipal conseguiam ler fluentemente.

Após um ano do Programa Alfabetiza Pará, o número já chegou a 48%. No ano passado, foram distribuídos 829 mil materiais didáticos para estudantes e docentes do 1º, 2º e 3º anos do Ensino Fundamental 1, sendo 788 mil materiais para os alunos e 41 mil para os docentes.

“Em 2016 o Estado do Pará tinha apenas vinte e quatro por cento das suas crianças alfabetizadas na Avaliação Nacional da Alfabetização. Pelos números apresentados hora pelo Ministério da Educação nós chegamos a quarenta e oito por cento”, disse Helder.

“Portanto nós dobramos os percentuais de crianças alfabetizadas, o que está longe é claro de ser aquilo que nós queremos. Mas certamente aponta de que esta dobra de percentuais efetivamente as mudanças estão em pleno custo”, analisou o governador.

Foto: Agência Pará

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *