Governo do Pará faz acordo para construção de hotel para COP 30

Foto: Marco Santos/Agência Pará

O governo do Pará celebrou, nesta quinta-feira (6), um acordo com o grupo português Vila Galé para a construção de um hotel de alto padrão em Belém. O empreendimento será erguido em uma área do Porto Futuro II, que foi cedida pela Secretaria de Cultura do Estado (Secult) pelos próximos 30 anos em troca de parte do faturamento do hotel.

O empreendimento de Belém irá ocupar a área dos antigos galpões 8, 8A e 8B do porto da cidade. A previsão é que o hotel esteja pronto e operando no ano que vem, a tempo da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP30) que será realizada em novembro de 2025.

“A possibilidade que a COP30 traz é que Belém seja uma referência no ecoturismo, e devemos aproveitar esta oportunidade. Para isso, é fundamental que possamos estruturar a cidade, melhorar a nossa capital, estarmos equipados para receber todos os perfis turísticos, desde hotéis com capacidade mais simples até os mais sofisticados, e é isso que estamos fazendo aqui: de um espaço público, temos um investimento privado gerando a abertura de 500 leitos, o que fará com que haja um incremento fundamental para que a cidade de Belém se consolide como cidade vocacionada para o turismo, conciliando esta bela cidade com a natureza e os serviços que aqui se podem usufruir”, destaca o governador Helder Barbalho.

O novo hotel irá contribuir para o desenvolvimento do turismo no estado através da expansão da oferta de leitos na capital, gerando e garantindo melhoria de renda para a população através do incentivo ao turismo.

Foto: Marco Santos/Agência Pará

“A mão de obra que estará sendo usada aqui será paraense. Nós estamos falando de 300 empregos diretos na construção, e logo no momento seguinte, teremos os empregos que serão disponibilizados com a operação do hotel. Estamos falando de consolidar uma vocação que é estratégica na demanda por mão de obra, e qualificação profissional passa a ser decisiva. Por isso o governo está com o programa Capacita COP30, para formar mão de obra e gerar as qualificações necessárias para podermos alavancar a qualidade da oferta de serviços e prepara nosso estado para os desafios desta nova economia”, concluiu o governador.

Sobre o grupo Vila Galé

O projeto e as obras do hotel de Belém ficarão sob responsabilidade da rede hoteleira Vila Galé, que existe desde 1986 e possui 43 hotéis distribuídos por Portugal, Espanha, Cuba e Brasil. No país existem 10 unidades espalhadas por diversos locais turísticos como Rio de Janeiro, São Paulo, Fortaleza, Salvador e Angra dos Reis. A unidade de Belém será a primeira do grupo na região Norte.

Foto: Pedro Guerreiro/Agência Pará

Por Agência Pará

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *